Guia áudio de Huelva

Mapa da rota do guia de áudio de Huelva

Clique aqui para ampliar



Convento das Agustinas

Audioguia do Convento das Agustinas

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Convento das Agustinas

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Convento das Agustinas

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Convento das Agustinas

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Convento das Agustinas

- Idioma Português
- Formato mp3

O primeiro grande impulso de Huelva como cidade teve lugar no século XVI. Para isto contribuiu também a fundação do convento de Sta. María de Gracia em 1510.

Guia áudio de Huelva - Convento de las Agustinas

A Ermida de la Soledad, a igreja das mil histórias

Audioguia da Ermita de la Soledad

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Ermita de la Soledad

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Ermita de la Soledad

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Ermita de la Soledad

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Ermita de la Soledad

- Idioma Português
- Formato mp3

Esta igreja do século XVIII está profundamente enraizada na cidade por ter sido a primeira paróquia de Huelva e cenário da captura do poeta Miguel Hernández na sua fuga para Portugal durante a Guerra Civil.

Guia áudio de Huelva - La Ermita de la Soledad, la iglesia de las mil historias

Instituto La Rábida

Audioguia do Instituto La Rábida

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Instituto La Rábida

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Instituto La Rábida

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Instituto La Rábida

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Instituto La Rábida

- Idioma Português
- Formato mp3

É uma construção dos anos 20 do século passado que se destaca pela sua grandiosidade e combinação de estilos. Aqui estudou o Prémio Nobel Juan Ramón Jiménez.

Audioguia do Instituto La Rábida

A Calle Concepción, tradição e comércio

Audioguia da Calle Concepción

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Calle Concepción

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Calle Concepción

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Calle Concepción

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Calle Concepción

- Idioma Português
- Formato mp3


Tem sido sempre o lugar habitual de passeio dos onubenses. Já em 1880 foram estabelecidas limitações para o trânsito de coches e carruagens. Central e populosa, esta é a rua comercial de Huelva por excelência desde o início do século XVII.

Audioguia da Calle Concepción

Parque Moret, o pulmão da cidade

Audioguia do Parque Moret

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Parque Moret

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Parque Moret

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Parque Moret

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Parque Moret

- Idioma Português
- Formato mp3

É uma grande extensão de 72 hectares formada por massas florestais e de arbustos nas colinas, para além de hortas e pomares. É um local ideal para o lazer e diversão dos mais pequenos.

Audioguia do Parque Moret

Novo Estádio Colombino, a sede do Decano

Audioguia do Estádio Nuevo Colombino

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Estádio Nuevo Colombino

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Estádio Nuevo Colombino

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Estádio Nuevo Colombino

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Estádio Nuevo Colombino

- Idioma Português
- Formato mp3

Com a compra das minas regionais pelos ingleses no final do séc. XIX, chegou a paixão pelos desportos como o futebol, ténis, golfe, etc. A 23 de Dezembro de 1889 é fundado o Recreativo de Huelva, o Decano do futebol espanhol. Esta é a sua sede desde 2001.

Audioguia do Estádio Nuevo Colombino

Praça de las Monjas, coração da cidade

Audioguia da Praça de las Monjas

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Praça de las Monjas

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Praça de las Monjas

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Praça de las Monjas

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Praça de las Monjas

- Idioma Português
- Formato mp3

Recebe o seu nome por causa do convento das Agustinas. Tendo sido este construído no início do século XVI, pensa-se que a praça se terá formado em frente à sua fachada, nos primeiros anos desse século.

Audioguia da Praça de las Monjas

Casa Colombo. Uma homenagem aos descobrimentos

Audioguia da Casa Colón

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Casa Colón

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Casa Colón

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Casa Colón

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Casa Colón

- Idioma Português
- Formato mp3

Em meados do século XIX, quando Huelva vivia o auge da sua história, decide-se celebrar esplendorosamente o IV Centenário dos Descobrimentos da América. Este conjunto, formado por quatro edifícios de estilo e de inspiração britânica que rodeiam um jardim quadrado, destaca-se pela sua harmonia. O Gran Hotel Colón foi inaugurado em 1883 e, entre 3 de Agosto e 12 de Outubro de 1892, a “Estação do Centenário”, ficaram aí hospedados ministros e representantes das nações ibero-americanas convidadas, entre eles o Presidente do Conselho de Ministros, Cánovas del Castillo.

Audioguia da Casa Colón

Catedral do meu bairro, bairro de La Merced

Audioguia da Catedral do meu bairro

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Catedral do meu bairro

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Catedral do meu bairro

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Catedral do meu bairro

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Catedral do meu bairro

- Idioma Português
- Formato mp3

De ambiente marítimo, o bairro de La Merced é um dos mais singulares da cidade. Na sua praça centenária, localiza-se a Igreja de La Merced que agora observam. Catedral onubense desde 1953, esta igreja faz parte do antigo convento dos Mercedários fundado no século XVII. Hoje é uma das sedes da Universidade de Huelva. É composta por três naves. Não deixe de contemplar especialmente a talha da Nossa Senhora de La Cinta, de Martínez Montañés.

Audioguia da Catedral do meu bairro

Reina Victoria. Um bairro inglês em Huelva

Audioguia do bairro Inglês

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do bairro Inglês

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do bairro Inglês

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do bairro Inglês

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do bairro Inglês

- Idioma Português
- Formato mp3

Percorrer estas ruas equivale a redescobrir um espaço do século XIX, de um tempo em que a história de Huelva foi composta por industriais, mineiros e britânicos. Aqui a Riotinto Company Limited criou um bairro que ofereceu casas aos seus trabalhadores. Actualmente, o bairro, declarado Património Histórico, apresenta um aspecto estético diversificado, produto de uma construção faseada que delineava o seu traçado como uma cidade-jardim idealizada.

Audioguia do bairro Inglês

Estação de Sevilha

Audioguia da estação de Sevilha

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da estação de Sevilha

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da estação de Sevilha

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da estação de Sevilha

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da estação de Sevilha

- Idioma Português
- Formato mp3

Com o velho matraquear da locomotiva, com nostálgicos escapes de vapor, terminou-se a construção desta onubense Estação de Sevilha, antes do final do século XIX, em pleno apogeu do progresso. O seu promotor, o empresário alemão Guillermo Sundheim, um dos principais artífices e impulsionadores da actividade económica e sociocultural da cidade, escolheu um edifício de estilo neo-mudéjar que pretende recuperar características arquitectónicas de outra época, com detalhes visíveis e decorações de aspecto islâmico.

Audioguia da estação de Sevilha

O Gran Teatro, espectador tradicional

Audioguia do Grande Teatro

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Grande Teatro

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Grande Teatro

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Grande Teatro

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Grande Teatro

- Idioma Português
- Formato mp3

A geração de capital estrangeiro em Huelva, produto das explorações mineiras a cargo da população inglesa na região, trouxe consigo, no século XIX, um grande desenvolvimento da vida cultural da capital onubense. O Gran Teatro de Huelva é um claro exemplo do dinamismo da época.

Audioguia do Grande Teatro

As Oficinas do Porto

Audioguia do garagens portuárias

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do garagens portuárias

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do garagens portuárias

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do garagens portuárias

- Idioma Alemán
- Formato mp3

Audioguia do garagens portuárias

- Idioma Português
- Formato mp3

A revolução industrial chegou tarde a Huelva, mas o seu impacto sobre a cidade foi enorme. E com ela chegaram também as novas tecnologias, trazidas no último terço do século XIX pelas explorações mineiras dos ingleses. Estas, por sua vez, levaram à introdução dos caminhos-de-ferro e impulsionaram o porto. No início do século XX eram as oficinas principais para a reparação de máquinas e locomotoras do Porto. Hoje são o Centro de Recepção e Documentação do Porto de Huelva.

Audioguia do garagens portuárias

Igreja de la Concepción

Audioguia da Igreja da Conceição

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Conceição

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Conceição

- Idioma Franês
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Conceição

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Conceição

- Idioma Português
- Formato mp3

Esta igreja pode ser considerada como um dos primeiros templos dedicados à Imaculada Conceição em toda a Espanha, uma vez que começou a ser construída no início do século XVI, no ano de 1515. A igreja de la Concepción tem sofrido muitas transformações e reformas ao longo da sua história, pelo que actualmente não se pode observar o estilo gótico-mudéjar com que foi concebida, embora tenham ficado alguns elementos desta época, como a abóbada da Capela-mor.

Audioguia da Igreja da Conceição

Igreja de La Milagrosa, Estrela da Huelva Marítima

Audioguia da Igreja da Milagrosa

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Milagrosa

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Milagrosa

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Milagrosa

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Igreja da Milagrosa

- Idioma Português
- Formato mp3

Num período de escassas edificações religiosas, José María Pérez Carasa projecta, em 1923, a única igreja da cidade construída no início do século XX. A sua construção foi impulsionada pela febre da construção que invade a velha Ónuba nesta altura.

Audioguia da Igreja da Milagrosa

Igreja de San Pedro, antiga mesquita

Audioguide da Igreja de San Pedro

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguide da Igreja de San Pedro

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguide da Igreja de San Pedro

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguide da Igreja de San Pedro

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguide da Igreja de San Pedro

- Idioma Português
- Formato mp3

À frente do edifício religioso mais antigo da cidade, descobrimos uma igreja paroquial erguida nos séculos XV e XVI sobre aquele que teria sido o núcleo de uma fortaleza medieval, ao lado de um antigo castelo. Localizada originalmente sobre os restos primitivos de uma mesquita muçulmana, ainda distinguimos desta primeira etapa as três naves separadas por arcadas e os painéis de estilo mudéjar da nave central. Porém, o seu aspecto actual é o resultado de construções e reformas posteriores (como as que tiveram de ser feitas como consequência do terramoto de 1755).

Audioguide da Igreja de San Pedro

Um santuário sonhado a partir do Atlântico

Audioguia Santuário Virgen de la Cinta

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia Santuário Virgen de la Cinta

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia Santuário Virgen de la Cinta

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia Santuário Virgen de la Cinta

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia Santuário Virgen de la Cinta

- Idioma Português
- Formato mp3

Foi a 3 de Março de 1493. O almirante e os seus marinheiros tinham chegado à América e, de regresso, atravessavam um Atlântico tão agitado que fazia temer pelas suas vidas. Colombo prometeu então orar fervorosamente à Nossa Senhora de La Cinta, neste Santuário que tem o seu nome, se a temerosa viagem os conduzisse ao seu destino. Em Huelva, a Nossa Senhora de la Cinta é colombina, ou seja, está associada a este navegador. A devoção à sua imagem, a criação da sua Irmandade, a construção deste santuário em sua honra datam do século XV e a sua origem está estreitamente relacionada com a aventura dos Descobrimentos.

Audioguia Santuário Virgen de la Cinta

Na margem da Huelva descobridora

Audioguia da Huelva descobridor

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia da Huelva descobridor

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia da Huelva descobridor

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia da Huelva descobridor

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia da Huelva descobridor

- Idioma Português
- Formato mp3

O Monumento à Fé das Descobertas parece representar uma homenagem à figura de Colombo como oferta do povo norte-americano ao espanhol, inaugurado em 1929. A escultura foi projectada pela artista norte-americana Gertrude V. Whitney e é uma obra cubista composta por formas geométricas de 37 metros de altura. O Monumento, que hoje é a imagem inconfundível da cidade, representa uma figura masculina associada a Colombo apoiada numa cruz e simboliza a constância e defesa das próprias ideias.

Audioguia da Huelva descobridor

Cais de Riotinto, identidade mineira

Audioguia do Cais de Riotinto

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Cais de Riotinto

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Cais de Riotinto

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Cais de Riotinto

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Cais de Riotinto

- Idioma Português
- Formato mp3

No local em que Huelva comunica com a sua ria ergue-se, magnífico e mineiro, este cais de Riotinto. Estávamos em 1876. A empresa Riotinto Company acabava de adquirir, para sua exploração, várias minas da serra onubense. Um caminho-de-ferro paralelo ao rio chegava até ao porto de Huelva, no qual o cais de descarga de minérios, projectado pelos engenheiros britânicos George Barclay Bruce e Thomas Gibson, punha fim ao trajecto. Durante quase cem anos, os ingleses estiveram em Huelva, e deste cais saíram mais de 130 milhões de toneladas de minério. Construído num solo macio de marisma, o cais transformou a paisagem da cidade.

Audioguia do Cais de Riotinto

Um passeio pelo Palácio de Mora Claros

Audioguia do Palácio Mora Claros

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Palácio Mora Claros

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Palácio Mora Claros

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Palácio Mora Claros

- Idioma Alemán
- Formato mp3

Audioguia do Palácio Mora Claros

- Idioma Português
- Formato mp3

Embora seja actualmente um Centro de Dia para Idosos, este edifício dos arquitectos Serrano e Pérez Carasa é, na realidade, um palácio de finais do século XIX. Entre e descubra a sua bela decoração modernista, desfrute visualmente dos corrimões de ferro com flores em cobre, dos cristais e dos vitrais, alguns evocadores do passado onubense, da Huelva descobridora e colombina.

Audioguia do Palácio Mora Claros

Arena de La Merced, testemunho de glórias taurinas

Audioguia do Coso de La Merced

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Coso de La Merced

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Coso de La Merced

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Coso de La Merced

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Coso de La Merced

- Idioma Português
- Formato mp3

Foi com lotação completa que se inaugurou aquela antiga Praça de Touros de La Merced na tarde de 5 de Setembro de 1902. Lidavam, para celebrar as festas de La Cinta, as quadrilhas de “Machaquito” e do já afamado toureiro da cidade, Miguel Báez, “Litri I”. Dessa histórica e artística arena, inspirada na praça de touros de Madrid, restam hoje apenas a Porta Principal e algumas abóbadas. A nova Praça, inaugurada em 1984, foi erguida sobre as antigas fundações. Esta Praça de Touros de La Merced tem hoje a honra de ser uma das maiores arenas de Espanha (com capacidade para 7.000 espectadores).

Audioguia do Coso de La Merced

Porto de Huelva, cais do Levante 

Audioguia do Porto de Huelva

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia do Porto de Huelva

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Audioguia do Porto de Huelva

- Idioma Francês
- Formato mp3

Audioguia do Porto de Huelva

- Idioma Alemão
- Formato mp3

Audioguia do Porto de Huelva

- Idioma Português
- Formato mp3

Desde a Antiguidade que a capital onubense conta com uma grande população dedicada ao comércio marítimo e o mar foi decisivo na história posterior. Destas águas partem as embarcações que levam Colombo até às Américas com os melhores marinheiros e as que carregam o minério que provém das minas de Riotinto. Porém, o porto permite actualmente que Huelva desenvolva a sua vocação marítima. Nele, uma importante frota transporta anualmente milhares de toneladas de mercadorias, procedentes da actividade industrial e piscatória, sendo esta última representada principalmente por mariscos, conhecidos internacionalmente pela sua grande qualidade.

Audioguia do Porto de Huelva

Convento das Irmãs da Cruz

Este edifício que apresenta o guia de áudio foi inaugurado em 1910 pela própria Santa Ángela de la Cruz. De estilo neo-gótico, em seu aspecto externo, tem um arco ogival por onde se acede à capela, com um plano de sala de estar, tendo em sua cabeça um retábulo onde se conserva uma imaculada, cópia da de Alonso Cano de Granada.

Convento das Irmãs da Cruz

Igreja de San Sebastián

Um edifício de meados do século XX, este templo abriga a imagem do santo padroeiro da cidade, San Sebastián. É um edifício de nave única com decoração iconográfica alusiva ao martírio do santo.

Igreja de San Sebastián

Cabezos de Conquero

Um golpe de cabeças cruza Huelva de norte a sul e confere-lhe uma fisionomia especial. O mais alto, El Conquero, é o lar do Santuário de La Cinta no lado oeste, um lugar visitado por Colombo em seu retorno de sua viagem, para cumprir a promessa de agradecer a feliz culminação de sua aventura aventureira. Há uma bela vista panorâmica da cidade do lado de fora do santuário.

Iglesia del sagrado corazón de Jesús

Igreja de nova planta de estilo neobarroco construída em 1925 e abençoada em 1929. Ela alberga imagens processionais de grande devoção popular. Localizado na rua Presbítero Pablo Rodríguez.

Igreja do Sagrado Coração de Jesus



VENHA CONHECER-NOS



Localização geográfica:

Situada no extremo sul-ocidental de Espanha, Huelva faz parte da região da Andaluzia e faz fronteira a Norte com a província de Badajoz, a Sul com o Oceano Atlântico, a Leste com Sevilha e a Oeste com Portugal.

Conta com mais de 300 dias de sol por ano, sendo assim uma das províncias espanholas com um dos climas mais agradáveis e com um maior número de horas de Sol (ultrapassando as 3000 horas).


Como chegar:

Por estrada: Pela A-49 a partir de Sevilha, que liga a Huelva e a Sevilha. A Norte a partir da Extremadura, pela N 435 e a Oeste, de Portugal. A partir de Madrid, também pela Nacional V até Mérida, cruzando com a N 435, ou até Sevilha, com ligação com a A-49.

De comboio: A partir da Estação da capital de Huelva pode optar por dois percursos: HUELVA-SEVILHA HUELVA-ZAFRA

Telefone: informações, reservas e vendas +34 902240202 Pontos de venda em Huelva: Huelva: AVDA de Italia, S/N. 21001 Huelva

Lien: www.renfe.es

Via aérea: Os aeroportos internacionais mais próximos são os de Sevilha e Faro, ambos a uma hora de carro.

Por via marítima: A lancha. No Verão existe um serviço de lanchas muito pitoresco - hábito fortemente enraizado entre os habitantes de Huelva - que liga a capital a Punta Umbría. Possuem o encanto da Huelva dos anos 50, marinheira e simples, que se aproximava da praia situada em Punta del Sebo.

VIVA HUELVA



Festas


A cavalgada dos Reis Magos

As origens encontram-se na iniciativa do Agrupamento Artístico “Álvarez Quintero” no Natal de 1921-1922. Numa das actuações teatrais desta associação, no final da representação, solicitou-se aos presentes um donativo em dinheiro e um pequeno brinquedo.



As Festas padroeiras de São Sebastião

As festas em honra do Santo Padroeiro de Huelva não são um fenómeno recente. No Arquivo Histórico Municipal de Huelva encontra-se uma Bula do Papa Leão X (1516), em que se fala da necessidade de criar várias ermidas, de entre as quais se refere a de São Sebastião. É de destacar o ornamento das fachadas como um dos elementos mais típicos. Em homenagem às hortas de Huelva, os seus produtos eram exibidos como preciosos troféus.



O Carnaval Colombino

As primeiras notícias datam de 1863 - por motivo da inauguração do Círculo Comercial e Agrícola – quando se realizou um baile de máscaras no edifício do mesmo. No ano de 1936 realizou-se o último carnaval de Huelva do primeiro período. Foi apenas em 1983 que, por iniciativa popular, o carnaval de Huelva voltou, quando vários apreciadores do Carnaval se dirigiram ao Ayuntamiento de Huelva para pedir emprestadas as carroças que foram utilizadas no dia 5 de Janeiro na Cavalgada dos Reis.



Semana Santa

É um fenómeno turístico-cultural de máxima expressão da religiosidade popular da cidade de Huelva. A Consejalía de Turismo do Ayuntamiento de Huelva conseguiu que a Semana Santa de Huelva fosse declarada “Interesse Turístico Nacional da Andaluzia”. As mais antigas Irmandades e Confrarias penitenciais da cidade estão enraizadas no século XV, tal como acontece com as Irmandades do Santo Entierro, Nazareno e Veracruz, bem como a fundação da associação de Los Judíos no século XVIII, ou a criação da Irmandade de La Esperanza no final do século XIX. Também se trata de um movimento vivo, uma vez que um número expressivo destas confrarias foi fundado no século XXI.



A saída das Irmandades de Huelva para El Rocío

A Real, Venerável e Fervorosa Irmandade da Nossa Sra. del Rocío dos Emigrantes de Huelva inicia a sua peregrinação na Quarta-feira. As paragens mais significativas são no Comando da Guarda Civil, onde se realiza uma oferenda floral; no Ayuntamiento, lugar em que se despede da Corporação Municipal e no Comando da Marinha, onde chega aproximadamente à uma e meia da tarde e onde se canta uma Oração referente ao mar.

O caminho da Real e Ilustre Irmandade da Nossa Senhora del Rocío de Huelva começa na Quinta-feira às oito da manhã, com a Missa dos Romeros. A Irmandade é recebida às portas do Ayuntamiento de Huelva, pela Corporação Municipal; chega ao Comando da Marinha; reza-se e canta-se a tradicional Salve Marinera. O Simpecado avança no seu ornamentado andor até à Doca del Río Tinto, onde volta a olhar para cidade, para se despedir dela.



Festas colombinas

A origem das festas remonta à comemoração que a Real Sociedade Colombina Onubense realizava, nos finais do século XIX, da partida das naus de Colombo no porto de Palos. Deste modo, a cada dia três do mês de Agosto, leva-se a cabo uma série de actos religiosos e institucionais direccionados para a exaltação dos feitos de Colombo.



Festas padroeiras da Virgem de la Cinta

Segundo consta no manuscrito de La Rábida, o culto à Nossa Senhora de la Cinta começou no século V, continuando até ao século VIII, em que foi ocultada a imagem da Virgem por medo da profanação sarracena, tendo sido recuperada posteriormente no século XV. A celebração começa nos finais do mês de Agosto com a transposição da imagem até à Santa Igreja Catedral para a celebração da novena em honra da Virgem. Na Catedral celebram-se cultos religiosos em honra da Virgem; uma semana antes da saída da procissão, na tarde de 8 de Setembro, começam os actos lúdico-festivos no popular bairro de La Orden. O ponto alto das festas ocorre com o percurso tradicional da Padroeira pelas ruas do Centro da cidade. No final deste, a população dirige-se ao Santuário de Conquero com a espectacular chicotá na costa de La Cinta, junto ao Humilladero.



Festival de Cinema Ibero-americano

Desde que teve início, em 1975, o Festival de Cinema Ibero-americano de Huelva ocupou um lugar privilegiado no âmbito dos festivais internacionais de cinema, uma vez que proporciona aos filmes ibero-americanos a possibilidade da abertura ao mercado europeu. O principal valor que o Festival de Cinema Ibero-americano de Huelva possui é a quantidade de amigos que tem feito no seu percurso e a quantidade e qualidade de apaixonados por este certame.



À noite

Huelva conta com uma vasta oferta de bares, pubs e discotecas que animam e completam qualquer diversão nocturna. As zonas do centro (pedonais) como a Gran Vía, a já tradicional Avenida de Pablo Rada, espaços como a Alameda Sundheim e a Plaza de Merced, ou a Isla Chica convertem-se num mar de gente que o acompanhará pela noite dentro. A tudo isto devemos unir os novos espaços da zona do Novo Estádio Colombino e do Bairro De La Orden.



Saboreie Huelva

A gastronomia da capital baseia-se tanto nos produtos provenientes da serra como nos do mar - nas carnes, no presunto ibérico, no marisco e no peixe da costa.

Quanto ao marisco, destacam-se várias espécies como: o lagostim, as patas e as bocas de caranguejo, a gamba branca, os camarões, a lagosta, o camarão-tigre e moluscos, tais como a conquilha e a amêijoa. O peixe do Golfo de Cádis, principalmente o atum, o pargo, a corvina, o linguado, o salmonete, a azevia-raiada, o peixe-espada (conhecido na zona como: aguja palá), a mojama e, sobretudo, o choco frito ou assado, também fazem parte da mesa desta região, bem como diversos tipos de carne, principalmente partes do porco ibérico, como o presunto e os enchidos.

A gastronomia complementa-se com outros produtos como o palmito, os morangos e o morango grande e sobretudo os vinhos da Denominação de Origem do Condado de Huelva, com vinhos licorosos, frutados e jovens, prontos a beber, alguns tintos, espumantes provenientes de Almonte; brandy e vinagres. Link para o prospecto “Ruta de la Tapa de Huelva”:



Compras

As zonas de compras e lazer em Huelva estão nas seguintes zonas: - Zona Centro - Zona Aqualón - Parque comercial Marismas del Polvorín - Parque Comercial del Odiel.



Flamenco

Huelva sempre se destacou pela diversidade de estilos que, tendo nascido da mesma fonte temática, oferecem particularidades no que diz respeito à melodia e ao tom, conservando cada um a sua marca especial. Huelva é sinónimo de fandango.



Touros

A Praça de touros da Merced foi inaugurada em 1968 por Miguel Báez Espuny "Litri" Manuel Benítez El Cordobés e Ángel Teruel. A sua capacidade é de 15.000 lugares, divididos em três pisos. Foi construída sobre a antiga praça de touros de Huelva, tendo esta sido inaugurada em 1902.



Desportos

Com a presença anglo-saxónica dos finais do século XIX e princípios do XX, começou-se a importar e a praticar (na cidade) diversos desportos ainda recentes em Espanha. Jogos como o futebol, o ténis ou também o críquete foram praticados durante esses anos, tanto pela população estrangeira das empresas mineiras e do porto, como pela de Huelva. Deste modo, em 1889 funda-se o Huelva Recreation Club para a prática de diferentes desportos, sobretudo o futebol. A Empresa Municipal Huelva Deporte é a encarregada pela manutenção das diferentes instalações desportivas da cidade a nível local.

Programação e eventos desportivos: Troféu Colombino de Futebol - Meeting ibero-americano de Atletismo - Taça do Rei de Ténis - Regata Huelva (Palos de la Frontera) La Gomera - Circuito Ciclista Colombino - Semana Internacional Náutica Colombina - Troféu Colombino de Tiro ao Arco



Palácio de congressos da Casa Colón

O Palácio de Congressos de Huelva possui várias salas preparadas para receber diferentes eventos, salas amplas próprias para exposições, stands de laboratórios, recepções, etc., com a possibilidade de instalar megafonia e com climatização. Os pisos inferiores do Palácio de Congressos dispõem de WC, bengaleiro, e parques de estacionamento. Por sua vez, a Cave dispõe de serviços complementares do armazém, instalações, WC e camarins, salas de imprensa e de ensaios, bem como de estacionamento. O Mezanino possui uma cabina de controlo, projecção, gravação, tradução simultânea e de imprensa.




HUELVA, PORTAL DO ATLÂNTICO


Portal do Atlântico

Audioguia Huelva, Portal do Atlântico

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia Huelva, Portal do Atlântico

- Idioma Inglês
- Formato mp3

A cidade de Huelva oferece ao visitante uma grande variedade e riqueza de recursos turísticos e patrimoniais. Ao longo dos séculos, Huelva testemunhou a passagem de numerosas civilizações que deixaram uma marca importante no patrimônio arqueológico e industrial da cidade: desde fenícios, gregos, cartagineses, romanos, muçulmanos ... até chegar à presença Inglês do final do século XIX. Esta circunstância fez da nossa cidade um lugar aberto caracterizado pela entrada e saída de civilizações e pessoas ao longo da sua história, por isso foi definido neste guia de áudio como "Huelva, Puerta del Atlántico".

Audioguia Huelva, Portal do Atlântico

Entre dois rios

Audioguia entre dois rios

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia entre dois rios

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Há 10.000 anos, quando o homem começou a aprender a cultivar e o clima começou a assemelhar-se à corrente, a baía que formava as bocas de Tinto e Odiel estava cheia de sedimentos formando os pântanos, uma paisagem que confunde a fronteira entre a terra e o mar. uma porta de vaivém entre o continente e o oceano.

Audioguia entre dois rios

Os sentidos do oceano

Audioguia os sentidos do oceano

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia os sentidos do oceano

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Huelva sempre esteve relacionada com o Atlântico em todos os sentidos, transformando os recursos que fornece, elaborando os frutos do mar, reforçando através de pontões e pequenas docas as possibilidades de transporte marítimo e comercial do seu litoral.

Audioguia os sentidos do oceano

Histórias do Atlântico

Audioguia histórias do Atlântico

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia histórias do Atlântico

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Como tesselas do mosaico da história, as centenas de objetos arqueológicos encontrados em Huelva atestam a importância deste enclave desde tempos imemoriais. A estreita conexão dessas costas com a atividade mercantil e marinha, juntamente com a riqueza mineira de seu interior, colocou Huelva em contato com os povos avançados da Europa.

Audioguia histórias do Atlântico

A porta do Novo Mundo

Audioguia a porta do Novo Mundo

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia a porta do Novo Mundo

- Idioma Inglês
- Formato mp3

A tradição atlântica dos marinheiros de Huelva foi ratificada quando os navios destinados a descobrir a América foram reunidos em 1492. A sociedade espanhola está plenamente consciente deste fato histórico nos s. XIX em que se celebra o quarto centenário do evento. Desde então e até agora, a ligação entre a capital e a Ibero-América foi reforçada com monumentos e eventos e é uma das imagens mais frequentes da cidade. Huelva tem uma herança viva que hospeda diferentes festivais e tradições: Colombinas, Semana Santa, Carnaval.

Audioguia a porta do Novo Mundo

O legado inglês de Huelva

Audioguia o legado inglês de Huelva

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia o legado inglês de Huelva

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Aqui nas terras da Andaluzia, que serviu como porta de entrada para numerosas civilizações mediterrânicas, como os gregos e romanos, e passou o tempo como a partida dos navios de Cristóvão Colombo em sua travessia do Atlântico, encontramos a partir do último quartel do século XIX Território inglês.

Audioguia o legado inglês de Huelva

Uma paisagem sobrenatural

Audioguia uma paisagem sobrenatural

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia uma paisagem sobrenatural

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Huelva sempre foi conhecida por sua riqueza mineral localizada nas montanhas do norte da província. Explorado desde tempos imemoriais determinaram a paisagem da área, a economia e as pessoas do lugar. Esta importância das minas é citada em textos bíblicos adquirindo um caráter mítico milenar que não está isento de enigmas devido à raridade do rio Tinto que culminou no século 21 com os experimentos realizados pelas equipes da NASA.

Audioguia uma paisagem sobrenatural

Not on Quenn Victoria´s Birthday. Nunca no aniversário da rainha Victoria

Audioguia Victoria´s Birthday

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia Victoria´s Birthday

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Em 1873 o governo da Espanha decretou a venda das Minas de Riotinto. Este evento supõe a irrupção da capital britânica às explorações de mineração da província. Anteriormente franceses e empresas de outros países europeus transformaram Huelva em um território que passa a noite para se juntar à Revolução Industrial com suas vantagens e desequilíbrios sociais. O livro mais completo sobre a Riotinto é intitulado pelo lema deste painel "Nunca no aniversário da Rainha Vitória" e foi escrito por David Avery em 1974.

Audioguia Victoria´s Birthday


Huelva entra na Revolução Industrial

Audioguia Huelva entra na Revolução Industrial

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia Huelva entra na Revolução Industrial

- Idioma Inglês
- Formato mp3

O impacto da aquisição das minas pelo inglês foi imediato. A primeira das necessidades abordadas foi o transporte do mineral do norte provincial de mineração, o que significou que infraestruturas importantes e modernas tiveram que ser criadas para substituir o uso tradicional de animais de carga. Surgiram redes ferroviárias, trens a vapor, pontes e viadutos, e no ponto final de saída do minério, docas de carga e descarga.

Audioguia Huelva entra na Revolução Industrial

O Cais da Companhia Riotinto: um patrimônio recuperado

Audioguia Cais da Companhia Riotinto

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia Cais da Companhia Riotinto

- Idioma Inglês
- Formato mp3

A poucos metros de distância, você pode ver o que, sem dúvida, é um dos marcos históricos da cidade de Huelva. Nós não queremos esquecer de mencionar neste guia de áudio uma obra-prima de engenharia do último quartel do século XIX, o cais da propriedade de descarga mineral da Riotinto Mining Company reabilitada em 2006 para o uso e aproveitamento dos cidadãos nos permite entrar em Boca cheia do rio Odiel em um passeio agradável. Ao entardecer, a brisa do mar e o pôr-do-sol na Ria de Huelva que nos oferece uma paleta de cores lilás e lilás farão um extraordinário colofão da visita a este Centro.

Audioguia Cais da Companhia Riotinto

Tempo de luzes e sombras

Audioguia tempo de luzes e sombras

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia tempo de luzes e sombras

- Idioma Inglês
- Formato mp3

A chegada dos britânicos também significou a chegada de costumes e modos de vida britânicos. Esse embate cultural se refletiu na organização, pelos líderes ingleses das empresas de mineração, das celebrações e noites da atual Casa Colón (antigo Hotel), que logo se juntaram às elites aristocráticas de Huelva. Na frente deles a vida de trabalhador duro centralizou nas docas de descarga de mineral mas ao mesmo tempo a melhoria das condições de vida entrou no século de XX com a construção das casas do Bairro de Trabalho.

Audioguia tempo de luzes e sombras

Nasce o esporte

Audioguia nasce o esporte

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia nasce o esporte

- Idioma Inglês
- Formato mp3

A presença inglesa na cidade afetou todas as áreas da vida social de Huelva, enquanto as elites locais criaram círculos literários e culturais outras associações de natureza lúdica que se tornaram pioneiros do esporte na Espanha. Foi assim que surgiu o Real Clube Recreativo de Futebol e Tenis, e a prática habitual de outros esportes de origem inglesa como o golfe ou o críquete.

Audioguia nasce o esporte

Uma herança para conservar

Audioguia uma herança para conservar

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia uma herança para conservar

- Locutor Inglés
- Formato mp3


Após um período de ameaça de desaparecimento nos anos 80 do século passado. Os imóveis herdados da etapa britânica foram preservados em boas condições e até reabilitados para uso e aproveitamento de cidadãos como a Casa Colón, o Riotinto Company Wharf e o Quarteirão dos Trabalhadores.

Audioguia uma herança para conservar

Uma noite no Gran Hotel Colón

Audioguia Gran Hotel Colón

- Idioma Castelhano
- Formato mp3

Audioguia Gran Hotel Colón

- Idioma Inglês
- Formato mp3

Para terminar o nosso guia de áudio, mostramos uma recriação do que poderia ter sido a área da lareira dos quartos do antigo Hotel Colón, agora Casa Colón. Lugar privilegiado para eventos sociais e sede da Companhia Riotinto, suas instalações testemunharam as comemorações do IV Centenário do Descobrimento da América e do nascimento do futebol na Espanha com a criação do Clube Recreativo de Huelva, hoje conhecido como o Real Clube Recreativo de Huelva, reitor da equipe de futebol espanhol.

Audioguia Gran Hotel Colón

Audioguides Bluehertz lançou um serviço de rede de informação turística para a Câmara Municipal de Huelva integrado por pontos de informação localizados nos locais mais importantes da cidade com conteúdo disponível em 5 idiomas (espanhol, inglês, francês, alemão e português) e destinado a usuários de dispositivos móveis e um serviço de guia de áudio.



Posto de turismo: Avda. presidente Adolfo Suárez, 1 21001 - Huelva.

- Tel.: 959 541 817

www.huelva.es/turismo